Tapiocando

A tapioca está na moda. Muito popular no Brasil – em Olinda, a iguaria é mesmo considerada património cultural e imaterial –, esta espécie de crepe, feito à base de farinha de mandioca, é, por cá, a nova tendência do momento. A Blue Vision esteve na Alimentária a confecionar tapiocas e o resultado não poderia ter sido melhor.

 

Foram três dias a promover a marca Tapioca da Terrinha, que pretende vir para Portugal com lojas próprias. As promotoras Blue Vision prepararam e serviram tapiocas, com os mais variados recheios, a todos os que passaram pelo stand da marca na edição deste ano da Alimentária, realizada entre 4 e 6 de junho, na FIL.

 

A tapioca terá sido a base da alimentação no Brasil até à chegada de Pedro Álvares Cabral, em 1500. A receita foi criada pelos índios tupi através da raiz mandioca que cresce em vários tipos de terreno, incluindo solos pobres ou mesmo muito secos.

 

A iguaria tradicional das regiões norte e nordeste do Brasil começa gradualmente a fazer parte da alimentação dos portugueses. O porquê do sucesso pode estar no facto de a tapioca ser rápida de preparar, muito versátil, já que o recheio tanto pode ser doce como salgado, rica em hidratos de carbono de absorção rápida e isenta de gordura e glúten.

A edição de 2017 da Alimentaria & Horexpo Lisboa – Salão Internacional da Alimentação, Hotelaria e Tecnologia para a Indústria Alimentar apresentou-se ao público com um novo posicionamento, apostando na Inovação, na Saúde e Bem-estar, e na Produção Nacional como conceitos a desenvolver.

Please reload

Lisboa, Portugal

T 213 195 607 / F 213 195 609

geral@blue-vision.pt

© 2018 por BLUE VISION